Eisenbahn é Schincariol

Postado em Atualizado em

Alemão com sotaque caipira. Deu no acontecendo aqui e em todos os sitios de negócios.

Grupo Schincariol adquire a Eisenbahn

– A aquisição complementa a estratégia da empresa de assumir a liderança no segmento Premium de Cerveja no Brasil

Em uma audio-conferência realizada nesta tarde, o Grupo Schincariol anunciou a compra da Eisenbahn, microcervejaria localizada no município de Blumenau (SC) e voltada para a produção de cervejas na categoria Premium no Brasil.

Fundada em 2002 pela família Mendes, com objetivo de oferecer ao consumidor o padrão de qualidade das melhores cervejas especiais encontradas na Europa e Estados Unidos, a Eisenbahn é considerada a cerveja brasileira mais reconhecida internacionalmente: a empresa acaba de ganhar três medalhas de prata no AIBA (Australian International Beer Awards), na Austrália. E no ano passado obteve duas medalhas de bronze no European Beer Star, um dos maiores e mais prestigiados concursos da Alemanha, e uma medalha de bronze na World Beer Cup, dos Estados Unidos.

Valor não revelado
A aquisição da cervejaria de Blumenau vai ao encontro da estratégia do Grupo Schincariol em se tornar a melhor empresa de bebidas do País. Atualmente, já é a primeira cervejaria com capital 100% nacional e o foco tem sido constituir uma carteira de marcas que permita atender a todos os segmentos de consumo de cervejas. O valor da transação não foi revelado durante a coletiva.

Portfolio ampliado
Os produtos da Eisenbahn se juntam ao portfólio da Baden Baden e da Devassa, adquiridas pela companhia em 2007, formando a mais completa oferta de cervejas Premium do mercado brasileiro. Essa categoria representa hoje mais de 2% do mercado nacional e é o segmento que mais evolui, com uma taxa de crescimento três vezes superior à média do mercado total.

A compra
“A compra da Eisenbahn amplia a participação do Grupo Schincariol no segmento de bebidas com alto valor agregado e reforça a nossa visão estratégica de oferecer um portfólio que atenda a todos os segmentos do mercado de cervejas, do popular ao mais sofisticado”, afirma José Augusto Schincariol, membro do Conselho de Administração da companhia. Segundo ele, o Grupo adquiriu 100% do negócio, que conta com uma planta industrial situada em Blumenau, um bar temático – Estação Eisenbahn – localizado ao lado da fábrica e mais um Centro de Distribuição em São Paulo. A cervejaria emprega cerca de 90 colaboradores.
A meta da Schincariol, com a compra da Eisenbahn, é de alcançar faturamento de cerca de R$ 20 milhões com a nova marca. “A cervejaria comercializa aproximadamente 1,8 milhão de litros/ano, mas tem condições de triplicar essa capacidade de produção no curto prazo”, acrescenta José Augusto Schincariol.

Distribuição
A presença da marca é bastante forte nas regiões Sul e Sudeste e pode ser encontrada em bares, restaurantes e casas noturnas selecionadas, além de estar presente também nas principais redes de supermercados do País. Possui uma linha de produtos composta de 13 variedades de cervejas cuidadosamente desenvolvidas para satisfazer os mais exigentes apreciadores da bebida. Ela incorpora a melhor matéria-prima disponível na Europa e, desde sua criação, segue rigidamente a Reinheitsgebot, a Lei Alemã da Pureza, criada em 1516, para limitar em quatro os ingredientes utilizados na produção de cerveja: água, lúpulo, malte e fermento. Essa lei, em vigor até hoje na Alemanha, proíbe a utilização de qualquer conservante ou cereal não maltado.

Marcas da Schincariol no mercado
– Cerveja e Chopp: Nova Schin, Chopp Nova Schin, Primus, Chopp Primus, NS2, Glacial, Nobel, Devassa, Baden Baden, Eisenbahn
– Águas, refrigerantes e sucos: Schin Refrigerantes, Schin Refrigerantes Light, Schin Tônica, Itubaína, Tuca, Maçã, Mini Schin, Águas Minerais, Skinka e Fruthos

Sobre o Grupo Schincariol
– Um dos maiores parques de produção de bebidas da América do Sul
– Capital 100% nacional
– 2ª maior cervejaria do Brasil
– Entre as 20 maiores no mundo
– 14 unidades industriais (incluindo Eisenbahn)
– R$ 4,5 bilhões em vendas em 2007
– R$ 1,8 bilhão em impostos sobre vendas em 2007
– Mais de 2.000 contratações em 2007
– Capacidade de produção: 4 bilhões de litros por ano
– 10,5 mil empregos diretos e 65 mil indiretos
– Mais de 370 mil horas de treinamento (78,83 horas/homem)
– 255 distribuidores
– 630 mil pontos-de-venda no Brasil

Ic, ic, enjoy

Um comentário em “Eisenbahn é Schincariol

    Domingos Junior (Dom-Ken) disse:
    maio 14, 2008 às 4:26 am

    Como um matéria mal escrita pode gera uma idéia equivocada. Num forum que participo as pessoas estavam achando que a Schin iria mudar toda a formula da Eisenbahn para a Ivete fazer a propaganda…

    Coloquei o link da materia do acontecendoaqui e vamos ver no que vai dar…
    ^^
    P.S. nao terminei de ver as materiais mas ja adorei o blog e pretendo virar freqüentador aciduo ^^

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s