Mês: fevereiro 2009

data comemorativa

Postado em

Bem a referência que tenho é que o dia do planeta terra é comemorado dia 22 de abril, poderia ser até feriado mundial, nas não é. Não sei se este anúncio é fantasma, ou a estratégia é fazer ele rodar o mundo ou a rede e culminar em abril. independente disso, é bacana a direção de arte e a sacada pertinente. vende? com certeza você vai pensar duas vezes antes de levar o próximo sabão em pó para casa. enjoy ;c)

tideearthday

Earth Day. Everyday. Every Load. The Coldwater is better in cold than others in warm and saves 80% of energy.

Advertising Agency: The Integer Group, Denver, USA
Creative Director: Jeff Koslowski
Assoc.Creative Director: Patty Kulich
Art Director: James York
Copywriter: Scott Johnson
Illustrator / Photographer: Indigo Studios, Atlanta
Published: February 2008

Anúncios

Lembra do fumei mas não traguei?

Postado em Atualizado em

grassroots1

Now you know why the world’s greatest swimmer eats 10,000 calories a day.
We’d still sponsor you, Michael.
Leave it to the greatest swimmer ever to hit a water bong.

Advertising Agency: TAXI Calgary, Canada
Creative Director: Trent Burton
Art Director: Brad Connell
Copywriter: Nick Asik
Released: February 2009

mais um ano com você!

Postado em Atualizado em

Criativo este slogan? você vai entender melhor lendo o texto abaixo. Eu sempre visito o blog do Alex e não é segredo a minha admiração e “tietagem” pelo cara. vi um post dele: ” escrito em 19/02 – com o título – campanha institucional: sua empresa faleceu?” –  onde utilizo uma citação abaixo para exemplificar o que acontece muito no mercado publicitário. Na falta de algo novo ou um bom motivo para anunciar,  é inevitável lembra-de do aniversário do cliente, 1, 2, 10, 25, seja  lá quantos anos forem. Não há nada errado quanto a isso aparentemente. É um excelente exercício de criatividade. Como hoje em dia, estou a acreditar que tudo nesse mundo é cíclico, consegui um bom argumento com o Bill. Agora tenho alguém que disse o que eu penso antes de mim. Entendeu? naum? tipo assim,  quando você cita um pensamento de alguém famoso você tira a atenção de você e mira para outro.  mas não vale atribuir o milagre ao santo errado, como ouvi várias vezes dizerem para mim que  a frase “criatividade é 99% transpiração e 1% inspiração” é do Albert Einstein , por isso, leia muito, afie seu argumento.

bernbachsaidBill Bernbach e o túmulo.

Aprofundando o tema, eu queria lembrar um episódio acontecido com um dos ícones da criação publicitária norte-americana. Um cara que virou referência pros publicitários brasileiros, e que eu tive o privilégio de tê-lo como amigo pessoal: Bill Bernbach, o “B” da DDB. Lá pelo final dos 60 (por favor, violinos, tá na hora da saudade), um dos clientes da DDB era a Mobil -na época chamada “Mobiloil”, estava completando 100 anos. O chefão chamou o Bernbach e pediu-mandando: quero uma campanha institucional sobre o centenário da Mobiloil destacando o 1865-1965. Que você acha? O Bernbach chutou de primeira: eu acho que vocês estão mortos, porque só conheço um lugar onde se colocam datas assim: túmulo.” – Fonte: Alex Periscinoto

Faltou dizer: Questionar, argumentar é bom, saudável e te leva mais além, porém desde que você tenha uma idéia,  algo mais a comtribuir ok? Caso contrário, podem te comparar a um sino de igreja – faz um barulhão mas é oco por demais. enjoy:)

Plim Plim! virou star.

Postado em Atualizado em

globoma8

A Globo tem o dedo, mão e sei-lá mais o quê de midas – tudo que ela toca vira ouro ou quase tudo – um trocadilho com o adtudo – ri um monte este carnaval com a familia Amorim – sabem quem é naum? então venha para a terra dos viventes, brasileiros de verdade. a fatia mais consumidora atualmente e então pare de torcer o nariz quando falam em novelas, BBB9, escola de samba, Faustão ou Fantástico perto de você, resita aquela  urticária. enjoy!

o Propmark noticiou:

Depois de aparecer no Fantástico (Rede Globo) com  o  quadro  “Manda quem pode, obedece quem tem juízo”,  em que uma adolescente de 15 anos enfrenta – com êxito – o desafio de  administrar  o  apertado  orçamento doméstico, a família Amorim volta à cena. Agora  como  protagonistas de uma campanha de crédito a pessoa física que a Caixa veicula nacionalmente a partir deste final de semana.

Criada  pela  Fischer  América,  a ação comunica que a Caixa oferece as melhores  taxas  de  juros  do  mercado nos financiamentos a pessoa física, reforçando  o  posicionamento  do  banco em defesa do crédito como alavanca para  o  crescimento  econômico. A mídia contemplará   televisão,  rádio, jornais e revistas, mala direta e material para a rede bancária.

No  filme que entra no ar em TV aberta e fechada, os Amorim aparecem em uma agência do banco lembrando que é preciso usar o dinheiro com inteligência e pesquisar as melhores taxas para concluir que, “quem faz conta, acaba indo para a Caixa”.

O  comercial  começa com a família em uma agência da Caixa. Uma das meninas comenta  que  não  está  acreditando  que  vão trocar de computador. Ingryd lembra que “sabendo usar o dinheiro com inteligência, dá para fazer tudo. É só  fazer  as  contas”. O pai emenda: “E quem faz as contas vem para Caixa, né?”.  No  final,  a mãe – que na vida real aparecia sempre tentando gastar mais  do  que  podia  –  diz: “tô até pensando numa roupinha nova…” Todos
olham com cara de reprovação e ela cede: “É brincadeira, gente”.  Fecha com a assinatura: “Vem pra Caixa. O banco que acredita nas pessoas”.

A  criação  é  de  Flávio  Casarotti,  Rafael Merel, Gustavo Diehl e Marcos Oliveira,  sob direção do próprio Flávio e de Pedro Cappeletti. A produtora é a Sentimental e a direção de cena, de Maurício Guimarães e Luciano Zuffo.


think simple

Postado em Atualizado em

ser simples é muitas vezes a coisa mais complicada que se possa imaginar. esse comercial é muito bom. Think simple – enjoy ;c)

faltou dizer, até depois do carnaval!

pense bem antes da próxima impressão

Postado em Atualizado em

Pessoas, acho que estou ouvindo tanto sobre RSA (responsabilidade sócio ambiental) em um curso bacana que estou fazendo, que ele influenciou até no título do post e dos anúncios abaixo são um desbunde. Fiquei pasmo com a simplicidade e a criatividade. Photoshop? 3D? Ilustração? pode ser mas dá pra tocar muito bem sem isso, afinal: “Há pessoas que transformam o sol numa simples mancha amarela, mas há aquelas que fazem de uma simples mancha amarela o próprio sol.” salve Pablo Picasso – Enjoy;c)

covidienturtle

covidienfish

covidienbutterfly

“As pioneer in the health care field, Covidien prides itself on innovation and social responsibility. With the “Leaf” campaign, Hill Holliday is helping it launch a comprehensive new recycling program across its network of U.S. offices utilizing posters (on recycled stock) and downloadable screen savers for all its employees.”

Advertising Agency: Hill Holliday, Boston, USA
Creative Directors: Rob Rich, Ernie Schenck
Art Director: Eric Shi
Copywriter: Neal Hughlett
Retoucher: Scott Woolwine
Photographers: Scott Woolwine, Eric Shi
Creative Director: Kevin Moehlenkamp
Published: February 2009

Faltou dizer: seria isto um sopro de esperança para os EUA definirem uma politica séria de RSA? I hope!

você não imagina o que é viver o tempo todo competindo.

Postado em Atualizado em

Caraca – esse é um daqueles que você pára e pensa, quando não fala em voz alta! eu queria ter criado isso! como diria o meu duplo Diegowisky redator do perdiessaaula – inveja branca – tenho alguns profissionais que admiro o trabalho entre eles o Carlos Domingos da Age. espero que nossos governantes pensem em cidades com rampas, acessíveis e não excludentes, certo galera do PósARQ?

addstairs

addstairs2

Faltou dizer: repare bem neste lugar- reconheceu? terminal do Tietê, já parei em uma dessas escadas, carregado de malas e quase desistindo de ir adiante. É bem bacana quando a gente reconhece uma locação e vê que o olhar é distinto para o que se precisa. só uma observação pessoal, não precisava aparecer vestígios da escada rolante ao lado, mas um corte ali ficaria complicado também, quer saber, ficou muito bom!

Advertising Agency: age., são paulo, Brazil
Creative Director: Carlos Domingos
Art Directors: Henrique Mattos, Rodrigo Cabello
Copywriter: Alexandre Leão
Image treatment: Júnior Zanoni
Photographer: Rogério Alonso
Published: January 2009